Sábado, 8 de Dezembro de 2007

Balanço de Período:

No primeiro período de aulas, foi-nos proposto a participação no concurso “Cidades Criativas”, organizado pela Universidade de Aveiro, no âmbito da disciplina de Área de Projecto. E assim foi. Inscrevemo-nos e começámos logo a desenvolver o nosso projecto.

 Através do tema proposto, conseguimos, embora com alguma dificuldade ,escolher o nosso tema: “Marginalidade num bairro social”.

 Tivemos, então, como primeiras prioridades, a definição de objectivos a realizar durante este ano e o esclarecimento de alguns conceitos que, de um modo geral, são veiculados pelo senso-comum de maneira errada ou, pelo menos, confusa.

 Definimos como objectivos para o primeiro período a elaboração da estrutura do trabalho,  a elaboração de guiões e as respectivas entrevistas, a realização de uma reportagem fotográfica sobre a marginalidade em Casal de Cambra e a actualização e divulgação do blogue, que foram concluídos com êxito.

 No decurso do trabalho, descobrimos que a Marginalidade é um conceito vasto e relativo, pois é entendida de forma diferente de cultura para cultura, uma vez que esta significa a ruptura com os comportamentos e valores definidos pela sociedade numa atitude de rebeldia.

A marginalidade de que falamos no nosso projecto pode ser associada a comportamentos desviantes, ou seja, de revolta no sentido da falta de respeito pela sociedade, gerando um certo tipo de delinquência. Podemos, assim, concluir que a marginalidade não se liga directamente a criminalidade. O nosso tema revela também , um pouco das cidades portuguesas, pois foca aspectos fulcrais das cidades, como a degradação das infra-estruturas, o vandalismo, o tráfico de droga, o abandono escolar, a exclusão e a difícil integração social.

 Descobrimos, ainda, que ao contrário do que a maioria das pessoas pensa, a marginalidade neste bairro social é diferente no que respeita à qualidade e quantidade, uma vez que a criminalidade não é organizada, tendo um carácter mais espontâneo, manifestando-se por todo o bairro, mas sobretudo no bairro social de Casal de Cambra devido à existência de muitas pessoas de culturas diferentes e com empregos precários, originando pequenos furtos para a compra de droga e o tráfico da mesma e, entre outros, delinquência juvenil.

 O futuro das cidades portuguesas estará comprometido se não houver uma gestão e apoios adequados. Apesar de focarmos o bairro social de Casal de Cambra, como exemplo, não achamos que este seja um dos piores, pois há outros, que conhecemos até muito bem, como o Bairro da Cova da Moura e o Bairro Padre Cruz  em Lisboa.

Também podemos concluir que existe uma certa tendência para exagerar a realidade do bairro de Casal de Cambra, ou seja, as pessoas criam uma ideia que não corresponde à realidade. Contudo, ainda temos muito trabalho pela frente para alcançar os objectivos do concurso e superar as nossas expectativas.

 Em termos de realização do trabalho do primeiro período, todos os membros do grupo participaram e manifestaram empenho e dedicação, também motivados pelas pessoas a quem realizámos as entrevistas que nos mostraram outras formas de poder tornar este projecto ainda mais viável e empreendedor. Como principal dificuldade sentida, ao longo do período, é importante salientar a polissemia do tema, como já foi referido anteriormente.   

 Para o próximo período, vamos complementar a informação que já temos através dos objectivos estabelecidos, tais como:  a realização de inquéritos e respectivo tratamento e pensar em possíveis soluções.

 

UaU!!: Motivadas

Published by BAAM às 18:47
link do post | comenta!! | favorito
1 comentário:
De apvpancora a 31 de Dezembro de 2007 às 11:23
Boas Entradas pessoal!

Novo ano, ideias novas!

:)


Comentar post

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.arquivos

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007